sexta-feira, 21 de junho de 2013

Bandeira Branca




Hoje estou aqui para pedir um favor!
Sim, mães e leitores do meu blog...

Pendurem lençóis brancos nas janelas!!! Fotografem e me mandem!!!
(gravura de Jana Magalhães)


Estamos vivendo um momento muito delicado no Brasil. Pela primeira vez em muitos anos, o povo brasileiro resolveu ir às ruas e falar o que pensa. São protestos contra a Copa das Confederações, Copa do Mundo, Olimpíadas, aumento da tarifa dos transportes públicos, tudo mais do que justo. O protesto cresceu e hoje luta pelo direito de falar o que pensa, por uma educação e saúde de qualidade... Como vocês sabem, aqui não temos saúde de qualidade. Não temos leitos nos hospitais, faltam médicos e profissionais da saúde, faltam hospitais e postos de pronto-atendimento. As pessoas pagam planos de saúde com preços abusivos e ainda assim ficam sem um atendimento adequado e esperam meses para serem atendidos. Não temos uma educação de qualidade. As pessoas saem da escola sem saber ler e escrever... Pensar, então, menos ainda... Temos lugares em que ainda não chegou o saneamento básico, a energia elétrica e falta água. Não temos segurança e desconfiamos até da própria polícia, na grande maioria: corruptos! Não temos transportes públicos de qualidade, além disso, são caros! Dos políticos, então, a fama é a mais pura verdade: difícil encontrar algum que seja honesto! Mesmo assim, nosso governo gasta milhões em estádios de futebol e se gaba por aí da beleza do país! Além de todos os problemas estamos enfrentando uma inflação de 30%. O povo resolveu ir às ruas e em troca receberam socos, pancadas, bombas de gás lacrimogêneo e balas de borracha, mesmo estando pacíficos e entregando flores aos policiais. Atiraram até dentro de sacadas de prédios, jogaram spray de borracha até nos olhos de um cachorro! Atiraram em idosos e não se importaram se tinham crianças ou não nas ruas. Uma verdadeira guerra onde os únicos armados eram os policiais. Teve muita gente presa por carregar vinagre na bolsa, que é utilizado para que a pessoa consiga respirar melhor diante das bombas jogadas pelos policiais. Estão querendo aprovar uma lei que taxa como terrorista aquele que protesta! Também querem aprovar uma lei que obrigue uma mulher estuprada a manter a gravidez e conviver com o pai estuprador. Não sei onde vamos parar se continuarmos assim!
É claro, que existem aqueles que praticam vandalismo e provocam policiais, mas é a minoria e não falam por nós!
 Como mãe, me preocupo com o futuro do meu filho e luto por um país melhor e verdadeiramente democrático. Peço que vocês contem por aí o que está acontecendo por aqui. O mundo precisa saber o que acontece no Brasil!
Pendurem panos ou lençóis brancos nas janelas ou varandas, fotografem e coloquem nas redes sociais como símbolo de que você também está de acordo com um país seguro, com transporte, educação e saúde de qualidade. Que você quer que esse país deixe de ser corrupto! Podem enviar as fotos para mim também!!!
diversaoemfamilia@yahoo.com.br

Obrigada!

Lívia.

sexta-feira, 14 de junho de 2013

Manifestação brasileira contra o aumento da tarifa do ônibus em imagens!

Escrevi isso no Facebook hoje e copiei aqui!

Chocada com tudo o que estou vendo e lendo por aí:

Realmente precisamos nos preocupar com esse futuro assustador que espera pelos nossos filhos. Muita barbárie por parte da Polícia em todas as regiões do país que estavam protestando pela baixa no preço das tarifas de ônibus! Jornalistas baleados por balas de borracha SEM MOTIVO! Jornalistas que tiveram os olhos agredidos por spray de pimenta simplesmente por estarem ali, filmando o caos! Jornalistas presos por portarem vinagre nas mochilas! Policiais batendo, jogando bombas e atirando sem propósito. Vi até uma cena (em vídeo) em que um policial quebra o vidro da própria viatura para colocar a culpa nos manifestantes. Está filmado, fotografado... Muitas provas por aí, mas claro que quem paga o pato é o povo! A Polícia sairá impune! Muita gente de bem sendo agredida! Pessoas que clamam pelo valor mais baixo da tarifa de ônibus, pessoas que ao final do mês saem perdendo muito mais do que simples R$ 0,20 centavos. Pessoas que se espremem todos os dias dentro de um ônibus lotado, atrasado e sem condições. Pessoas que apesar de pagarem seus impostos não têm transporte público de qualidade, não têm educação de qualidade, não têm saúde pública de qualidade e muito menos segurança, porque hoje em dia, até dos policiais temos que desconfiar. Temos que botar a boca no trombone! Temos que denunciar! Temos que lutar pelo futuro dos nossos filhos! Não podemos aceitar que a Polícia reaja desse jeito contra os manifestantes, não podemos aceitar que a política desse país, desse estado permita ações como essas!












Vídeo: Policiais atiram dentro de apartamento!



Vídeo 2: Policial quebra vidro da própria viatura em noite de protesto!




... E isso é pouco perto de todo arquivo de imagens disponíveis pelas redes sociais!
Precisamos lutar contra essa violência!!!

sexta-feira, 7 de junho de 2013

Como o consumismo influencia a essência do ser humano?

Muitos assuntos andam permeando a minha cabeça ultimamente, mas tem um que não sai dela desde que eu e meu marido conversamos sobre ele no último final de semana.
Vivemos hoje numa sociedade completamente consumista. Trocamos de celulares, computadores, sem necessidade. Trocamos porque surgiu algo mais moderno e é de praxe seguir tanta modernidade.
Hoje em dia são notebooks, netbooks, ipads, ipods e muitos outros instrumentos tecnológicos; além de um acúmulo de lixo tecnológico (que já é um problema atual e com certeza será um problema ainda maior no futuro), temos outro problema...

... o mais importante: Como tanto consumismo influencia a essência do ser humano?

Não sei ao certo responder a essa pergunta, mas o que sei é que a maioria das pessoas da nossa sociedade acham que ter é mais importante que ser. Se não têm, são infelizes. É preciso ter pra ser feliz!
Prova disso é que vemos ladrões, assaltantes que não roubam para comer, roubam para ter: para ter o tênis de marca, o relógio caro, a televisão da moda e por aí vai!
Vivemos uma total inversão de valores. Veja o nosso sistema político: no começo do ano distribuiu televisores de tela plana (de muitas polegadas e talvez LCD, não me lembro ao certo) para que o povo possa assistir aos seus programas preferidos. Onde vamos parar desse jeito?
O governo dá dinheiro para que as pessoas mantenham os filhos na escola, dá dinheiro para que abortos não sejam feitos, dá dinheiro para que as famílias tratem os usuários de drogas... Dá, dá, dá...
Dá, mas não ensina! Não ensina que com educação podemos crescer na vida, podemos nos desenvolver, ter boas profissões... Não pune estupradores e não deixa que as mulheres que sofreram tal violência optem se querem ou não ter um filho concebido nessas condições. Não combate as drogas como poderia, assim como temos policiais honestos, temos muitos outros que são corruptos e ajudam o tráfico a continuar!...
As pessoas preferem não ter saneamento básico, boa alimentação, escolas, hospitais e postos de saúde de qualidade, áreas de lazer e segurança, mas ter posses!
Vivemos hoje num mundo em que filho mata pai e mãe, esposa mata marido, pais matam filhos... por um pouco de dinheiro.
Esse caos que vivemos hoje em dia tende a aumentar! As pessoas querem mais e mais e nessa competição toda, nesse capitalismo desesperado não há espaço para todos: a desigualdade é cada vez maior e a violência tende a aumentar; mais violência em busca de mais dinheiro, mais poder.

Não sei se já escreveram sobre isso mas me interesso demais pelo assunto e se alguém souber de algum filósofo, antropólogo, historiador... que tenha abordado esse assunto, por favor me indiquem!

Temos que tentar acabar com esse caos!

Lívia.